|. HOME .| -->

Cracolândias

Quando a destruição dos laços da pessoa com familiares e amigos se completa, o problema fica ainda mais visível. Isso porque o dependente de crack tende a ir para as ruas, onde se une a outros nas chamadas cracolândias.

Nas cracolândias, os usuários compram e consomem imediatamente a droga e sequer voltam para casa, já que o efeito é rápido, assim como a compulsão de ir atrás de outra dose, chamada "fissura".

“Quando está usando o crack, se a pessoa tiver 100 g, usa os 100 g, se tiver 1 kg, fica [nas cracolândias], defeca, faz tudo ali, mas não vai embora”, resume Célio Luiz Barbosa, coordenador-geral dos centros de Atendimento e Apoio às Famílias da Fazenda da Paz, comunidades terapêuticas que se dedicam à recuperação de dependentes.

Comentários
Faça seu comentário