Maria do Carmo apoia o Programa Antártico Brasileiro

20.10.2006

A Senadora Maria do Carmo Alves recebeu, esta semana, o Almirante José Eduardo Borges de Souza, Secretário da Comissão Interministerial para os Recursos do Mar, e dele uma solicitação de apoio para os 14 projetos da Secretaria e, em especial, para o Programa Antártico Brasileiro, que em 2007 estará completando 25 anos de funcionamento. Desde 1982, o Brasil vem desenvolvendo um substancial programa de pesquisas científicas no solo Antártico, compondo parte do limitado grupo de 29 países com poder de decisão sobre o futuro desse continente gelado, que tem enorme influência sobre o clima e o regime de mares do país.

O Programa encontra-se com sérios problemas de recursos orçamentários, conforme explicou o Almirante José Eduardo, e necessita de um aporte de, no mínimo, 3 milhões de reais, para que os reparos que estão sendo feitos na Base Brasileira Comandante Ferraz estejam prontos para o Ano Polar Internacional, que ocorrerá entre 2007 e 2008.

Para Maria do Carmo, o Programa Antártico Brasileiro é uma política de Estado e não de um ou outro governo, por isso, para ela, é imprescindível mais atenção a esse e outros programas que desenvolvem a pesquisa científica e, com isso, fortalecem a soberania nacional. A Senadora ofereceu sua ajuda ao PROANTAR e comprometeu-se a atuar junto ao Ministério do Meio Ambiente para liberação da verba necessária.

Informações fornecidas pelo Gabinete da Senadora