Com carinho ao Presidente Fidel Castro Ruz

Honrado em escrever para "Caros Amigos", como também o faz o ex-Presidente Fidel Castro, aproveito esta oportunidade para lhe fazer um apelo público. Quem escreve é um Senador do Partido dos Trabalhadores, eleito em outubro de 2006 para o terceiro mandato pelo Estado de São Paulo, com 8.986.803 votos, 48% dos votos no Estado. Sempre mantive com as autoridades de Cuba um relacionamento de respeito e amizade. Quando Presidente da Câmara Municipal de São Paulo, 1989-90, estive com Vossa Excelência, juntamente com a Prefeita Luiza Erundina de Souza, em audiência no Horto Florestal de São Paulo. Visitei Cuba em quatro oportunidades: duas nos anos 90 – uma com meu filho André, quando participei de atividade voluntária de construção em Havana e outra vez com minha família – e duas vezes em 2009, quando fui recebido por Sérgio Cervantes, amigo do Brasil, e quando realizei palestra sobre a Renda Básica de Cidadania, no Encontro Internacional de Economistas sobre Globalização e Problemas do Desenvolvimento, organizado pela Associação Nacional de Economistas de Cuba. Nesta ocasião, considerei muito positiva a pluralidade de idéias no evento, que contou inclusive com a participação de três economistas norte-americanos laureados com o Prêmio Nobel de Economia.
Tenho sido solidário a Cuba para que os EUA encerrem, o quanto antes, o Embargo que tantas dificuldades tem causado ao desenvolvimento de seu País. Assim como o fez o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, considerei positiva a decisão do governo cubano de realizar um acordo com a Igreja Católica pelo qual foram libertadas pessoas detidas por razões políticas e que foram autorizadas a viver na Espanha.
Senhor Presidente, meu apelo é para que recomende às autoridades cubanas autorizarem a Sra. Yoani Sanchez, responsável pelo blog "Generación Y", viajar ao Brasil para participar da exibição do documentário realizado pelo Sr. Cláudio Galvão da Silva, na cidade de Jequié, Bahia, em 26 de novembro próximo. Considero muito importante a disposição do Governo do Presidente Lula de colaborar com a evolução de Cuba, conforme expressou em sua última carta ao Presidente Raul Castro. Tenho a convicção de que esta cooperação se fortalecerá na medida em que Brasil e Cuba consolidem a democracia e a liberdade de expressão.Respeitosamente,

Senador Eduardo Matarazzo Suplicy (PT/SP)
Voltar Imprimir