E-book O legislativo brasileiro
/Pesquisas de Opinião
Imprimir Compartilhe no Twitter

14/02/2014
Mais brasileiros atestam melhoria da própria condição econômica

 

A mais recente pesquisa realizada pelo DataSenado indica aumento do número de brasileiros que declararam ter experimentado uma melhora em sua condição econômica ao longo dos últimos seis meses. O estudo faz parte de uma série histórica aplicada semestralmente desde 2010. No levantamento feito em junho de 2013, 17,9% disseram que a própria situação econômica melhorou, percentual que agora subiu para 22,5%. Já o número dos que apontaram piora da própria condição econômica caiu de 35,6%, no semestre passado, para 29,9%, na atual sondagem.

O registro de melhoria da condição econômica caminhou junto com o aumento da sensação de otimismo dos entrevistados. Com efeito, 50,6% deles acreditam que, nos próximos meses, a própria condição irá melhorar. Em junho de 2013, eram 46,8% os que partilhavam dessa opinião.

Os dados foram coletados pelo Alô Senado, por meio de entrevistas telefônicas, entre os dias 3 e 20 de dezembro, com 1.089 pessoas em todo o Brasil. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%.

Saúde e segurança pública figuram como as maiores preocupações
A saúde e a segurança pública seguem sendo citadas como as maiores preocupações do brasileiro. Para 27,3% do total de entrevistados, a saúde representa hoje a questão social mais preocupante, seguida da segurança publica, com 22,6%, e da corrupção, com 20,4%. E, na opinião de ampla maioria dos entrevistados, o Senado Federal possui papel essencial para ajudar a solucionar o problema: 70,3% confiam que o órgão pode ajudar muito a resolver a preocupação apontada.

Brasileiros reconhecem a importância do Congresso Nacional para a democracia brasileira
Também para ampla maioria, 73,1%, o Congresso Nacional é visto como muito importante para a democracia brasileira. Essa é a opinião predominante desde a realização da primeira pesquisa, em 2010. Além de conferirem essa importância ao Congresso, 72,4% dos entrevistados defendem que a democracia é sempre a melhor forma de governo. Já com relação ao sistema de votação, é notório o crescimento do percentual dos que acham que o caráter obrigatório do voto prejudica a democracia: em dezembro de 2012, eram 50,8%, percentual que agora atinge 61,8% do total de respondentes.


Outras Informações:
Secretaria de Transparência
Coordenação de Pesquisa e Opinião - DataSenado

(061) 3303 1211
datasenado@senado.leg.br
www.senado.leg.br/datasenado

 

Alô Senado Senado na mídia Alô Senado
STRANS - COORDENAÇÃO DE CONTROLE SOCIAL | Senado Federal, Via N2, Anexo D, Bloco 4, Cep 70165-900, Brasília/DF | (61) 3303-1211 | Alô Senado: 0800 612211
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900