/NOTíCIAS
Imprimir

05/01/2012
Proposta do Estatuto da Juventude, que institui meia-entrada para estudantes de até 29 anos, divide opiniões. Cidadãos elogiam redação final do projeto do Ato Médico

O Alô Senado registrou, nesta quarta-feira (4), manifestações sobre o PLC 98/2011, que institui o Estatuto da Juventude.  Entre outras medidas, o projeto garante direito à meia-entrada para estudantes de até 29 anos, em eventos artístico-culturais, de entretenimento e lazer (veja enquete do Data Senado). O projeto divide opiniões. Alguns cidadãos apoiam a iniciativa. Para estes, o acesso facilitado à cultura auxilia a educação dos jovens, o que seria fundamental para um país que pretende ter um papel de destaque na esfera mundial. Aqueles contrários ao projeto afirmam que os custos do benefício recairão sobre os cidadãos pagantes da entrada integral.

Os temas trabalho e emprego voltaram a ser citados em contatos com a Central de Relacionamento do Senado. Os cidadãos perguntaram pela data provável de votação do PLS 211/2012, que concede seguro-desemprego aos artistas, músicos e técnicos em espetáculos de diversões. O Alô recebeu, ainda, manifestações de fisioterapeutas, parabenizando a redação final do PLOS 268/2001, que dispõe sobre o exercício da medicina, conhecido como Ato Médico. O projeto foi encaminhado à Câmara e aguarda aprovação final.

Lembramos que as opiniões registradas pela Central de Relacionamento e pelas mídias sociais do Alô Senado, Twitter e Facebook, refletem a visão pessoal dos cidadãos que se manifestaram por intermédio destes canais de comunicação. Estas opiniões não podem, de forma alguma, ser extrapoladas para toda a população brasileira.

STRANS - SUBSECRETARIA DE PESQUISA E OPINIÃO | Senado Federal, Via N2, Anexo D, Bloco 4, Cep 70165-900, Brasília/DF | (61) 3303-1211 | Alô Senado: 0800 612211