|. HOME .| -->

Militares na faixa de fronteira

Apenas 10 milhões de pessoas, ou 5% da população, vivem na faixa de fronteira, que corresponde a 27% do território nacional.

A isso, soma-se a grande permeabilidade das fronteiras do país. “Cerca de mil rios penetram o território brasileiro, cada um deles é uma via de comunicação por onde passa todo tipo de comércio legal e ilegal. Isso torna gigantesca a nossa tarefa de vigiar”, afirmou o comandante. Atualmente, o Exército possui 87 organizações militares na faixa de fronteira, sendo 21 pelotões. Outros 28 pelotões estão em fase de criação.

O general fez uma comparação com o que ocorre entre México e Estados Unidos, cuja fronteira é de cerca de 3 mil quilômetros: “Com todo o aparato tecnológico e policial, os Estados Unidos não conseguem vedar sua faixa de fronteira”, explicou.

O senador Blairo Maggi (PR-MT) citou o caso da faixa de fronteira de Mato Grosso, onde, revelou, o contingente de militares é pequeno. A região enfrenta graves problemas com o tráfico de drogas e o contrabando de carros roubados para a Bolívia. “São quase 800 quilômetros de fronteira seca, muito desguarnecida, que é praticamente impossível o estado controlar”.

Comentários
Faça seu comentário