E-book O legislativo brasileiro
/Pesquisas de Opinião
Imprimir

17/11/2010
Bem-estar e situação econômica dos brasileiros

Pesquisa do DataSenado revelou que 61% dos brasileiros acham que sua situação econômica vai melhorar nos próximos seis meses, mas 35% tem a questão da saúde como principal preocupação, enquanto segurança pública é o problema número 1 para 26% da população. Concluído no final de outubro, o levantamento ouviu 1.325 cidadãos maiores de 16 anos, com acesso a telefone fixo, em 119 municípios de todas as regiões do país, incluídas todas as capitais. A margem de erro da pesquisa é de 3%.

A percepção do brasileiro sobre sua sensação de bem-estar, nos últimos seis meses, apresentou estabilidade. Para metade dos entrevistados (51%) a sensação de bem-estar ficou igual, enquanto 36% disseram que essa sensação melhorou nos últimos seis meses. O bem-estar piorou para 12%. Quando a pergunta envolve a situação econômica nos últimos seis meses, uma parcela maior (21%) respondeu que piorou, nos últimos seis meses. Para 51% a condição econômica ficou estável, ao passo que 28% responderam ter percebido melhoras. Com relação ao futuro, apenas 6% estão pessimistas com relação à evolução de sua situação econômica nos próximos seis meses.

Quase 90% dos brasileiros têm quatro áreas como suas maiores preocupações: é a saúde para 35%, a segurança para 26%, educação para 16% e apenas 12% tem o emprego como principal queixa ou temor. Para superar essas preocupações, 76% dos entrevistados acham que o Senado Federal pode ajudar muito, enquanto 14% entendem que a Instituição pode ajudar pouco e 5% acreditam que o Senado não pode ajudar nada a resolver sua maior preocupação.

Alô Senado Senado na mídia Alô Senado
STRANS - COORDENAÇÃO DE PESQUISA E OPINIÃO | Senado Federal, Via N2, Anexo D, Bloco 4, Cep 70165-900, Brasília/DF | (61) 3303-1211 | Alô Senado: 0800 612211
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900